sexta-feira, maio 26, 2006

443) O Iraque no caminho da Argelia?

A Argélia entrou, nos anos 1990, numa vertigem louca de assassinatos gratuitos, motivados por fundamentalismo religioso, ensanguentando o país durante muitos anos, e motivando uma repressão brutal por parte das forças de segurança que deixou cicatrizes até hoje.
A notícia abaixo seria patética, se não fosse terrivelmente triste e dramática:

Tenistas são assassinados por usar bermudas no Iraque

O treinador da equipe iraquiana de tênis, Ahmed Rashid, e os jogadores Nasser Ali Hatem e Wissam Adel Odah foram assassinados a tiros na ontem, em Bagdá, porque estavam usando bermudas, informou hoje o Comitê Olímpico Iraquiano.

26/05/2006

Alguns dias antes, um grupo radical islâmico sunita havia ameaçado os homens iraquianos que usassem calças curtas nas ruas. Testemunhas disseram que os jogadores foram atacados quando deixavam, de carro, uma lavanderia.
"Dois deles levaram os tiros quando forçados a sair do automóvel e o outro foi assassinado dentro do veículo. Eles levaram o carro, depois de tirar o cadáver", disse uma testemunha que não quis identificar-se.
Hoje, atentados contra mercados em Bagdá mataram pelo menos 18 pessoas e feriram mais de 60. Também na capital, um grupo armado invadiu ontem uma festa de casamento e seqüestrou o noivo, dois de seus parentes e um convidado. Os corpos, decapitados, foram achados hoje numa área rural da cidade.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home