sábado, abril 08, 2006

347) Um país com rumo...

Trecho de entrevista com a presidente do Chile, Michelle Bachelet, em visita ao Brasil nesta semana:

Veja – Como se pode definir em poucas palavras o sucesso econômico do Chile?
Michelle Bachelet – O Chile avançou muito graças à grande disciplina fiscal, à estabilidade econômica e política e à coesão social muito forte. O crescimento também se deve aos empresários que foram capazes de identificar oportunidades para fazer negócios dentro e fora do país. O Chile, com toda essa estabilidade, converteu-se em um país de baixo risco, o que atrai investimentos importantes. A aposta no modelo exportador também deu bons resultados. Investimos muito para que a população tivesse melhor qualificação e, dessa forma, pudesse se somar ao esforço de nos tornar um país exportador. Temos uma classe trabalhadora comprometida e capaz. Nessa nova etapa, vamos cuidar para que as coisas dêem certo também para os médios e pequenos empresários. Embora o modelo exportador inclua muitos médios empresários e alguns pequenos, ainda precisa conseguir atrair mais gente.

Veja – Apesar de o Chile crescer muito rápido, uma parte da população não consegue melhorar sua condição de vida com a mesma rapidez. Como a senhora pretende levar os benefícios do crescimento aos mais pobres?
Bachelet – Antes de qualquer coisa, o país precisa continuar crescendo. Em seguida, decidir como fazer para que os benefícios do crescimento cheguem a todos. Reforçar a educação, melhorar a qualificação de nossas crianças, jovens e trabalhadores, de maneira que sejam capazes de obter empregos de maior qualidade e melhores salários, são políticas de médio e longo prazo. Também é preciso aumentar a participação das mulheres no mercado de trabalho. Há dois motivos para isso. Primeiro, porque, quando elas são as chefes de família, garantir-lhes um bom emprego é a melhor maneira de melhorar o nível de vida de sua família. Segundo, quando a mulher não é a chefe de família, ter duas pessoas trabalhando numa casa é o modo mais fácil de alcançar uma renda maior.

Fonte: Veja nr. 1951, 12 de abril de 2006

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home